3 de mar de 2007

Manual de Auto-Publicação na Rede para Músicos e Músicas Independentes: Uma possibilidade e uma necessidade.

"Conversando ontem com o Valdir Batone e com a Gabi Andrade, participantes da conversa sobre o Manual de Auto-Publicação na Rede para Músicos Independentes que está rolando no Fórum de Conversas do Overmundo, integrantes do excelente projeto musical independente Lixo Extraordinário e, como prefiro chamá-los, meus novos amigos, senti que a idéia de escrever um Manual de Auto-Publicação para Músicos e Músicas Independentes é não apenas possível, mas também uma necessidade deste momento. Sim, este é o momento! Várias bandas e musicistas, assim como vários artistas de várias mídias, já estão descobrindo não apenas que as mídias tradicionais não mais representam a realidade da cena artística em que estão inseridos ("cenas artísticas se criam, se inventam", diria o Valdir) como também que é possíver criar vias alternativas, mais verdadeiras e democráticas, para a difusão e discussão de seu trabalho."

(leia o resto do meu texto lá no Overblog do Overmundo)

Marcadores: , , , , , , , ,

2 Comments:

Blogger Diabo said...

The Greys é tão independente que nem ensaiar a gente ensaia!

\o/

Piadas infames a parte, é da galera independente que vem a melhor música desse país hoje em dia, quiçá do mundo todo. É só passear um pouquinho pelo myspace que você acha um monte de gente interessante e que nenhuma gravadora vai ter coragem de assumir.

3/04/2007 11:50:00 PM  
Blogger Daniel Duende said...

Quem sabe faz ao vivo, mesmo que seja besteira. :D
hehhehehehe

Poisé. Eu concordo. Eu curto muito mais a música independente brasileira (em cá entre nós, a música independente gringa também). As gravadoras e a "fábrica de salsichas" da mídia tradicional até capturam algumas coisas legais de vez em quando (salve Los Hermanos!), mas o melhor que a gente tem tá fazendo showzinhos em casas pequenas, tirando grana do bolso pra tocar e tomando cerva com o público depois do show. Viva a música independente, que é melhor, mais humana, mais divertida e mais democrática!

(Liga não. Acabei de voltar de um show da Martha V. e ainda estou eletrizado pela curtição do momento...)

Por falar nisso, anima de meter o bedelho em nosso manual?


Abraços do Verde procê, Diabo.

3/05/2007 12:00:00 AM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home