1 de ago de 2007

Transformações.

1.
tentou mover as patas para sair do canto da sala. não conseguiu. faltavam-lhe patas. faltava-lhe espaço. a barata não entendeu nada quando despertou e se descobriu transformada em gente.

2.
tudo era diferente agora que saíra do jardim de infância. antes, se chorasse, alguém viria abraçá-la. agora, as pessoas apontavam para ela e riam. sentia-se tão desamparada que não conseguia não fazer as pessoas rirem vez por outra.

3.
ele ficou paralizado frente ao espelho. em vez da própria face, viu a face que acreditava agora perdida nas brumas da vida. acariciou os próprios cabelos, sorriu para si um sorriso saudoso e entendeu o sonho. despertou ele mesmo.

4.
"... e então a dríade, vendo o dragão estendendo os braços para o céu como uma frondosa árvore verde, perguntou à coruja: 'agora ele vai virar uma árvore?'. A coruja respondeu que não, pois ela ainda não havia se transformado em um dragão ..."

5.
quando entrou no carro, sabia que estava se deixando para trás. olhou-se indo embora pelo espelho antes de ligar o motor, e foi para casa descobrir quem havia se tornado. depois disso, nunca mais se viu por aí. era outra pessoa.

6.
o sol começou a se pôr cedo atrás da colina. começou a esfriar. é o outono chegando cedo -- pensou ela. acendeu um cigarro e olhou para as aves que voltavam para o ninho. estava com frio. queria poder voltar para casa.

7.
rompeu a casca. o sol machucou seus pequenos olhos antes de abraçá-lo. arrastou-se devagar para fora do casulo e esticou as asas coloridas. naquela manhã, nem se lembrava mais de ter sido uma lagarta. nascia em si uma borboleta.


tudo flui.

Marcadores: , ,

3 Comments:

Blogger Feiticeira said...

Escrevi um continho com a dríade, e um serzinho.
Chama "O Primeiro Vôo".

Gostei também da menina que faz com que as pessoas riam dela.

Gostei dos outros, mas esses dois estão mais próximos do que sou.

Obrigada e um abraço

8/06/2007 02:09:00 PM  
Blogger Daniel Duende said...

Fico muito feliz que tenha gostado e se inspirado, moça. :)

Abraços do Verde.

8/06/2007 06:53:00 PM  
Blogger Feiticeira said...

Fico feliz em ti deixar feliz.
Estou postando-o brevemente no meu blog.
Ainda estou lambendo a cria.

Um abraço, se você escrever mais,
e sigo... Espécie de vampirismo literário - inofensivo.

8/07/2007 01:57:00 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home