6 de fev de 2007

Postulado.

Abandone toda a banalidade, vós que entrais.
Nada me interessa aqui, que não seja poesia
ou a verdade mais profunda
e mais essencial
do animal humano.


Está inaugurado o Caderno do Cluracão,
o blog de poesias e fragmentos
de Daniel Duende.



Que assim seja.

Marcadores: ,

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home